quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Paredes de hoje


Olhando as paredes de hoje, não é difícil imaginar as paredes de ontem. Onde hoje reina a humidade e trabalha o caruncho, ontem cheirava a tinta fresca, pincelada com a energia de uma vontade quase perfeita. Uma vontade que poderia ter ultrapassado as fronteiras da pequenez. Mas que preferiu cultivar as ervas daninhas e arrancar as que davam fruto certo, esquecendo que as primeiras nunca se limitam ao seu território.

4 comentários:

geocrusoe disse...

fa-me pena ver esse imóvel no estado em que está... mais ainda tendo em conta onde está e o que de lá a vista poderia alcançar

LB disse...

A vista é fantástica, bem como a localização. Recuperada, seria, sem dúvida, a minha casa de sonho. Só preciso é ganhar o Euromilhões... Eheh!

Roger disse...

Vivi nessa casa durante 4 meses e realmente a vista é fantástica. Não te esqueças que para ganhares o Euromilhões tens que jogar.
Beijos
RRF

LB disse...

Que inveja...